ÁREA RESTRITA - Bem Vindo {NOME_USUARIO}


NOTÍCIAS

Chapecoense vence o Galo com gol nos descontos e sai do Z4

Time do Oeste de SC foi a 31 pontos e saiu da zona de rebaixamento. O próximo confronto será no domingo que vem, às 11h, contra o Vitória.

06/10/2018 às 19h49
Atualizada em 09/10/2018 - 19h37

Com um gol aos 47 minutos do segundo tempo a Chapecoense venceu o Atlético-MG por 1 a 0 na tarde deste sábado, na Arena Condá, e saiu do Z4. O argentino Doffo foi o autor do gol.

O primeiro tempo da Chapecoense foi muito fraco. O Atlético-MG, mesmo com os desfalques de Cazares e Ricardo Oliveira foi quem tomou a iniciativa.  Tanto que teve cinco escanteios em 20 minutos. 

Só não abriu o placar devido a uma boa intervenção de Jandrei em cobrança de escanteio de Luan, em que a bola sobrou para Gabriel, na pequena área, mas o goleiro da Chapecoense conseguiu afastar. Elias arriscou de fora da área e a bola foi pro cima.

A Chapecoense, que já contava com desfalques de Márcio Araújo e Canteros, também ficou sem Elicarlos, que saiu lesionado, dando lugar a Amaral.

A partir da metade do primeiro tempo ninguém teve chance de gol. E o time catarinense só teve uma finalização aos 40 minutos do primeiro tempo, com Doffo, num chute de fora da área, por cima do travessão.

No intervalo o técnico Guto Ferreira fez duas mudanças, colocando Yann e Bruno Silva nos lugares de Diego Torres e Vinícius.

O time da casa melhorou no segundo tempo. Bruno Silva cabeceou com perigo logo no primeiro lance do segundo tempo. E quase marcou em outra finalização de cabeça. Doffo também desperdiçou boa chance.

O Atlético-MG também levou perigo com Gabriel que, da linha da pequena área, finalizou raspando a trave. E Jandrei espalmou uma finalização de Leandrinho.

Quando a partida se encaminhava para o final, Doffo arriscou de longe, a bola desviou na zaga do Atlético e enganou o goleiro Victor. Foi o gol de alívio na Arena Condá.

A Chapecoense foi a 31 pontos e saiu da zona de rebaixamento. O próximo confronto será no domingo que vem, às 11h, contra o Vitória.



Fonte: Diário Catarinense



SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR




VEJA TAMBÉM